Há muitos livros sobre etiqueta.

Há muitos eruditos de etiqueta.

Mas será que alguém codificou as regras a observar quando – esperamos nós – mais ninguém olha?

Eis que entramos num novo campo –  numa nova dimensão: Maneiras na Cama, o Essencial!

Divindade Doméstica Apresenta:

Modos na Alcova – o Guia essencial para não cometer faux-pas na cama!

  1. Depilação. Muitas mulheres acham que devem estar sempre completamente depiladas para os seus namorados/maridos/parceiros(as). Erro! Isto deve ser feito de acordo com o conforto e à vontade que temos com o outro e com as preferências do casal. Faux-pas é não ser limpa! A Depilação é como o sal da relação: a gosto de cada um, sem prejudicar a saúde;
  2. Conversa. Novamente, é uma daquelas coisas que é a gosto. Depende do estilo do casal e do mood do dia… Palavrões: a não ser que tenha práticas sexuais muito específicas, eu recomendaria que não começasse a soltar palavrões do nada, sem antes consultar o parceiro. A não ser que tenha tourette, mantenha os palavrões no campo de futebol e no seu pensamento. Tema de Conversa: Use o bom senso em relação ao tipo de conversas que vai buscar. Não se aproveite para pedir aquela coisa que sempre quis – dá ar de oportunista. Não faça comparações com o seu ex. Não stresse o parceiro com temas que causam desconforto em situações mais corriqueiras. Use a Cabeça!
  3. Falta de Auto-estima. Não use estes momentos de intimidade para tentar obter ou atribuir scores à sua performance, corpo, beleza, atitude e tudo aquilo que a incomoda em si… seja segura… Escusado é dizer que determinas críticas devem ser deixadas para o juri de programas parvos como Ídolos!
  4. Higiene. Se não quer ter embaraços relacionados com funções corporais, seja esperta, utilize a casa de banho de forma estratégica! Tome banhos românticos antes ou vá à casa de banho de modo a poder compor eventuais problemas. Toalhitas higiénicas, desodorizante e escovas de dente portáteis dão jeito.
  5. Interrupções. Evite ao máximo interromper as vossas sessões por telefonemas ou mesmo por se ter abstraído/distraído do “assunto” a decorrer na cama…

O mais importante nisto, é estar com a cabeça no que se está a passar e deixar-se ir descontraidamente… 

Nunca o senso comum foi tão importante!

Divindade

Advertisements